O poder do ERP para seu negócio

A administração de negócios é extremamente complexa e a competitividade nos mercados é conhecida desde o início das transações comerciais, essa vertente transformou a maneira de gerenciar a ações que buscam o resultado e o sucesso da organizações. Com a chegada da tecnologia da informação e dos primeiros softwares de gestão uma nova fronteira surgiu e com ela o ERP (Enterprise Resource Planning).

O ERP ou Planejamento de Recursos Corporativos é um software desenvolvido para integrar os departamentos da empresa, permitindo que os gestores obtenham, gerenciem, determinem as metas e decisões com base em informações armazenadas de forma correta, objetiva  e disponível através de relatórios analíticos providos pelo próprio software ERP.  Com este serviço é permitido visualizar cenários corporativos por diversas perspectivas.

A importância do ERP nos negócios digitais teve sua “explosão” (termo usado para gerar ordens de compras no antigo MRP) no final da década de 90, quando as primeiras empresas .com tiverem seu auge na bolsa de valores. Este aumente significou a competitividade no setor e que era o momento de aprimorar a forma de administrar estes negócios. Com o mesmo fundamento do ERP para as grandes corporações da era industrial, na era do conhecimento, a era das empresas web foram então agregadas ao ERP novos sistemas, também conhecidos como módulos do pacote de gestão de finanças, compras e vendas, RH, marketing, que há  pouco tempo evoluiu para marketing digital.

Com isso chegamos a conclusão de que o Sistema de Gestão Empresaria (ERP) tem a finalidade de consolidar uma comunicação eficiente entre os departamentos da empresa, monitorando os dados, o aumento da eficiência, possibilitando o crescimento da empresa. e resolvendo problemas que antes absorviam todos os recursos e tempo da organização, a implantação do ERP permite que estes investimentos seja direcionados para áreas como logística, qualificação de pessoas, distribuição, qualidade, segurança, entre outras que podem ser integradas ao software.

Nem tudo é perfeito na utilização de um ERP, por isso é importante saber que o ERP é o “Cérebro da empresa”, isto quer dizer que qualquer interferência cirúrgica deve ser feita com muito cuidado, se não a morte a organização é inevitável.

Pontos importantes que devem ser observados ao implantar um ERP:

  • Treinamento das equipes, tanto da de TI como de quem irá utilizar o ERP;
  • Estudo de aplicação;
  • Planejamento estratégico;
  • Visão de onde está e de onde irá chegar com esta solução;
  • Infraestrutura.

Cada empresa tem seu DNA próprio, que foi construído durante os anos com a missão e  valores do negócio. Neste momento é onde o estudo de implantação do ERP deve ser fundamentado, para que a implantação torne-se mais poderosa, mais ágil, mais eficaz, este objetivo. Não cometer erros, ou diminuí-los ao extremo é o que vai fazer a diferença neste desafio. Muito estudo, dedicação e treinamento, e reforço estes itens, porque em um mundo de muita competitividade, com muitos na mesma velocidade e de milésimos segundos de diferença, com motores e softwares quase iguais, o que vai fazer mesmo a diferença não esta somente no ERP, mas no tempo em que a empresa levou para “trocar os pneus” na corrida pelo sucesso.

Adicione seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.